Alvorada FM

(64) 3634-1588
Anunciante 05

Geral

Casal de mochileiros acidentados na BR 060, percorreu os 27 Estados brasileiros e mantém canal famoso nas redes sociais

O casal envolvido no acidente na tarde desta terça-feira (16) na altura do KM 97,6 da rodovia BR 060 em Paraíso das Águas

Casal de mochileiros acidentados na BR 060, percorreu os 27 Estados brasileiros e mantém canal famoso nas redes sociais
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O casal envolvido no acidente na tarde desta terça-feira (16) na altura do KM 97,6 da rodovia BR 060 em Paraíso das Águas, foi transferido para a Santa Casa de Campo Grande (MS) em estado gravíssimo. Clovis Zolet de 63 anos, que realizava uma ultrapassagem em local proibido, faleceu no local.

ACIDENTE

Por volta das 15 horas, o casal Tiago Escarcell Bohrer, 32 anos, natural de Florianópolis (SC) e Jenifer Santos Pereira dos Santos, 19 anos, natural de Junco do Maranhão (MA), ficou gravemente ferido no acidente. O casal estava em uma motocicleta Honda Titan CG 150, de cor preta, com placas de Pelotas (RS), seguindo sentido Paraíso das Águas- Camapuã, quando foram atingidos em cheio por uma motocicleta BMW, 1.200 cc, com placas de Balneário Arroio da Silva (RS), conduzida pelo piloto Clovis Zolet de 63 anos, que realizava uma ultrapassagem em local proibido. Ele tentava ultrapassando uma carreta e segundo testemunhas, ele teria colidido frontalmente com a motocicleta que seguia sentido contrário, sendo em seguida atropelado pelo último eixo da carreta.

Com a violência da colisão, Tiago e Jenifer foram lançados para fora da pista, parando no acostamento. O condutor da motocicleta teve uma das pernas amputadas no local e seu estado de saúde é considerado gravíssimo e corre risco de vida. A outra ocupante da motocicleta sofreu três fraturas: no pé, perna e quadril; seu estado de saúde também é considerado grave.

O casal também é do Rio Grande do Sul, da cidade de Pelotas e viajavam conhecendo novos lugares.

Clovis (Foto Facebook)

O corpo de Clovis só foi removido do local durante o início da noite, após a perícia realizada pelo Instituto de Identificação e Perícia de Costa Rica (MS) distante 155 km do local do acidente. A Funerária e Pax São Judas Tadeu realizou a remoção do corpo ao Instituto Médico Odontológico Legal (IMOL) de Paranaíba, distante 280 km e de lá retorna para Paraíso das Águas onde será realizado os serviços funerários para translado aéreo do corpo à sua cidade de Caxias do Sul (RS). A vítima seguia com um comboio de grupo de amigos e motocicletas, para o interior de Goiás. O grupo tinha como rota a cidade de Costa Rica, onde passariam a noite.

Um empresário de Paraíso das Águas disse que seguia logo atrás e presenciou o acidente: ” imagens que não esquecerei tão cedo” declarou.

A Polícia Militar e Polícia Civil de Paraíso das Águas e Polícia Rodoviária Federal (PRF) estiveram no local.

A equipe de saúde do distrito de Bela Avorada foi a primeira a prestar socorro e em seguida, equipe médica do Pronto Atendimento Médico (PAM) de Paraíso das Águas atendeu às vítimas que foram socorridas e levadas diretamente para a Santa Casa de Campo Grande, via vaga zero.

CANAL DO MOCHILEIRO

No vídeo momentos antes do acidente, na cidade vizinha Chapadão do Sul, o casal transmite live e solta fogos comemorando os milhares de quilômetros percorridos em 8 meses e 13 dias, conforme a publicação. Eles percorriam vários estados brasileiros.

Veja o VIDEO gravado em Chapadão do Sul.

Fonte: Jovemsulnews (Caroline Torres) e BNC Notícias

 
FONTE/CRÉDITOS: Jovem Sul News

Veja também

Anunciante 06

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )